Como escolher um advogado?

Se alguma vez precisou de um advogado, certamente se perguntou determinados aspectos como onde encontrá-lo ou como saber qual é o mais adequado para você. Diversas perguntas surgem durante o processo de escolha de um advogado. Este texto tem como finalidade ajudá-lo a escolher e a encontrar o advogado que melhor se adapte às suas necessidades. Depois de ter pesquisado sobre o tema e entrevistado vários advogados (perguntando-lhes quais são os critérios mais importantes a considerar no momento de escolher um advogado), chegou-se à seguinte conclusão. A seguir, são detalhados os critérios mais importantes a considerar no momento de escolher um advogado; assim como a ordem de importância dos mesmos.

A confiança

Esse é um valor fundamental se tivermos que escolher um advogado. Ao fim e ao cabo, vamos ter que lhe contar um problema e lhe facultar informação pessoal e provavelmente confidencial. Portanto, é importante que o nosso advogado seja de confiança, recomendado por um amigo ou conhecido e que seja honesto. Além disso, existem outros valores relacionados a considerar como a responsabilidade e a segurança que nos transmitir.

As recomendações

O fato de o nosso advogado ser recomendado por alguém é um fator muito importante no momento de escolher esse profissional. As recomendações podem ser feitas por alguém próximo a nós. No entanto, na internet também podemos encontrar diretórios de advogados com um amplo número de escritórios de advocacia de advogados recomendados (por usuários, clientes ou conhecidos dos mesmos). Em qualquer caso, as recomendações nos darão informações objetivas sobre o advogado que estamos pensando contratar.

Começa aqui

Experiência (especialista)

É evidente que não só a confiança é importante durante o processo de escolha de um advogado. A experiência e/ou nível de especialização do mesmo são também critérios muito importantes. Assim, se estamos escolhendo um advogado e hesitamos entre dois que nos geram muita confiança, escolheremos o que tiver mais experiência dos dois.

Honorários

Este é um dos pontos fundamentais no momento de escolher um advogado. Pode ser que para alguns seja mais importante do que a confiança. A questão aqui seria a seguinte. Se tiver que escolher entre vários advogados e todos me oferecem um orçamento parecido, escolherei o que me tiverem recomendado ou o que tiver mais experiência (desde que a diferença entre os honorários seja mínima).

A localização geográfica

A localização do advogado ou escritório de advogados também é importante, mas não é o mais importante no momento de escolher um advogado. Também depende da importância do caso em questão. Obviamente, não escolheremos um advogado que esteja a mil quilômetros de distância de nossa cidade, por muito que nos tenha sido recomendado. Assim, o critério geográfico é importante, mas estaria abaixo dos mencionados anteriormente.

Em conclusão, sublinhar que esses são os critérios mais frequentes a considerar no processo de escolha de um advogado. Também é importante a ordem pessoal que dermos aos mesmos. O que é mais importante para mim, que esteja próximo da minha casa ou que seja econômico? Que seja especialista embora esteja em outra cidade? Pois bem, a ordem dos critérios já depende da situação particular de cada um, mas provavelmente interessa a todos que o nosso advogado tenha experiência na especialização do nosso caso. O mesmo ocorre com a confiança. Segundo a opinião dos advogados entrevistados, a confiança é o critério mais importante de todos. Portanto, provavelmente preferiremos um advogado recomendado em vez de um que tenha muita experiência mas de quem não sabemos mais nada além disso.

Contato agora